Twitter Facebook YouTube

CUT SC > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > OCUPAR AS RUAS, ATÉ QUE TEMER RENUNCIE

Ocupar as ruas, até que Temer renuncie

18/05/2017

CUT junto com demais centrais sindicais, movimento estudantil e movimento social chama população para ocupar as ruas e pedir a renúncia do Temer

Escrito por: Sílvia Medeiros

Depois das revelações de envolvimento em corrupção do presidente Michel Temer do PMDB, que foi divulgado na noite dessa quarta-feira, dia 17 de maio, as lideranças do movimento sindical, social e estudantil de Santa Catarina, convocam atos de rua para essa quinta-feira, dia 18 de maio.

Terão quatro atos em Santa Catarina: Florianópolis, Chapecó, Criciúma e Joinville. Ambos tem como pauta o pedido de renúncia do Temer, a chamada de Diretas Já para as eleições presidenciais e a defesa dos direitos.

Para Anna Julia Rodrigues, presidenta da CUT-SC o momento é de ocupar as ruas e mostrar para a sociedade a importância da união nesse momento delicado que o país atravessa. “Desde que começou a movimentação de impeachment contra a presidenta Dilma nós avisamos que essa manobra não era para combater a corrupção, mas para mudar os rumos políticos do país. Completou-se um ano do governo ilegítimo do Temer e tudo o que falamos que poderia acontecer, se concretizou. Ele atacou direitos trabalhistas, previdenciários, políticas públicas e tantos outros retrocessos. Aliado a tudo isso vários dos seus indicados ao governo estavam enrolados com escândalos de corrupção, o que escancara ainda mais que a mentira do impeachment, não era para moralizar o país, mas para efetivar um golpe contra os trabalhadores. Avaliamos que esse momento e as denúncias levantadas contra Temer e contra o agora ex-senador Aécio Neves do PSDB, são suficientes para barrar os projetos do Temer e cobrar que ele renuncie a presidência, que nunca lhe pertenceu”.

Além dos atos organizados hoje, Santa Catarina vai participar do Ocupa Brasília no dia 24 de maio, serão mais de 30 ônibus lotados que vão sair de Santa Catarina para participar do ato na capital federal,que já havia sido agendado com o intuito de acompanhar a primeira votação da reforma da Previdência pelo plenário da Câmara dos Deputados. Segundo Anna Julia, a atividade permanece mesmo se não ocorra a votação da PEC da Previdência, pois segundo ela, o momento é propício para fazer uma grande pressão e derrubar esse governo ilegítimo.

Ato em Florianópolis

Dia 18/05 – quinta-feira

Às 17 horas

Em frente ao TICEN

Evento no face: https://goo.gl/UtxWFN 

 

Ato em Criciúma

Dia 18/05 – quinta-feira

Às 16 horas

Na Praça Nereu Ramos

 

Ato em Chapecó

Dia 18/05 – quinta-feira

Às 17h30

Praça Nereu Ramos

 

Ato em Joinville

Dia 18/05 – quinta-feira

Às 17h

Praça da Bandeira

Evento no face: https://goo.gl/EHwDtb

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

RÁDIO CUT
Programa DizCUT Jornal dos Trabalhadores

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE SANTA CATARINA
Rua Visconde de Ouro Preto, 87 | Centro | CEP 88020-040 | Florianópolis | SC
Fone: (048) 3024-2053 | www.cut-sc.org.br | e-mail: [email protected]